10 de dez de 2015

Há dias em que se deve chorar, outros sorrir, é tão natural quanto ter que abrir a janela da sua casa para a luz entrar. Manter o espírito flutuando é um desafio, saber amar em cada grau exige tempo, vidas. Eu sou um garoto espacial, utópico e medroso, e as viagens que faço me deixam tão pesado, então oro para que isso passe e não demora muito até as lágrimas virem lavando todo esse sentimento.

Nenhum comentário:

Postar um comentário